A importância do ‘offline’ no ‘networking’

Esse simpático senhor na foto abaixo é o Eric. Americano de Boston e ex-integrante da cena hippie da San Francisco dos anos 60/70, em 2004 deixou o capitalismo selvagem dos Estados Unidos (palavras dele) para buscar a paz de espírito na Tailândia. Nos conhecemos num café em Chiang Mai quando ele me perguntou se eu tinha um “T” sobrando. Eu […]

Precisamos conversar sobre esse negócio de “largar tudo e viajar o mundo”

Há um certo fetichismo sobre esse negócio de largar tudo para viajar o mundo. Perdi a conta de quantas matérias do tipo já li por aí. Tem o cara que largou tudo para morar em algum lugar remoto — no Sudoeste Asiático, de preferência. Tem a menina que largou tudo para viajar sozinha com uma mochila nas costas durante um […]

nomadismo digital brasil

As respostas para as perguntas mais frequentes sobre nomadismo digital

No início de 2017 eu e a Laís largamos nossos empregos para nos dedicarmos ao que amamos: eu escrevo; ela fotografa — e também escreve. Uma outra paixão nossa é viajar. Sempre tivemos o sonho de viajar o mundo enquanto trabalhamos. Hoje, como profissionais autônomos ~os famigerados freelancers~ que conseguem entregar suas demandas de forma remota, finalmente temos liberdade geográfica para […]

música no escritório

Música no ambiente de trabalho: ajuda ou atrapalha?

Em todos os lugares que trabalhei antes de me tornar um nômade digital e realizar minhas tarefas de forma remota, o campeão de desentendimento entre funcionários respondia por “ar condicionado”. Você certamente já ouviu os monólogos abaixo. — Ui! Que frio nessa sala! 5 minutos depois… — Nossa! Vocês não estão com calor? O segundo lugar no ranking das pequenas […]

matheus-de-souza - Freelancer em Marketing Digital - Nômade Digital

Sem escritório, sem chefe, sem fronteiras — mitos e verdades sobre os nômades digitais

Viajar o mundo enquanto se trabalha de forma remota. Em poucas palavras, essa é a explicação para a essência do nomadismo digital. Pra quem vê de fora, talvez soe mais como um modismo ou então um sonho inalcançável. Eu mesmo me encaixava no segundo grupo. Hoje, como freelancer e trabalhando de forma remota, descobri que isso é totalmente possível. É uma questão de […]