Quando algo dá certo, ficamos motivados. Quando algo dá errado, nos desmotivamos. É comum. É a lei natural. Mas não precisa ser assim. Não precisamos esperar algo dar certo para então nos motivarmos. Não precisamos entrar nesse ciclo contínuo em que na maioria das vezes nos encontramos na parte debaixo.

Como você se motiva? Aqui estão algumas dicas que encontrei em busca da automotivação.

Use motivadores visuais

Uma citação ou um cartaz inspirador pode mantê-lo focado em uma mudança que você está tentando fazer em sua vida. Algumas pessoas chegam a tatuar mensagens ou desenhos em locais estratégicos. Mas, você não precisa ser tão radical. Um bilhete ao lado da sua cama ou na sua mesa de trabalho tem o mesmo efeito.

Fique longe dos pessimistas

Há aqueles que irão lhe apoiar e ajudá-lo a superar seus desafios. Porém, sabemos que também existem aqueles que veem defeito em tudo e o colocarão para baixo. Passe mais tempo com os primeiros.

Leia. Leia muito

Livros, sites, blogs, jornais, qualquer coisa que contenha informação. Se é parte do nosso mundo, vale a pena saber. Sabe aquilo que falei em meu último texto sobre criar conexões? A motivação e a criatividade para superar um problema podem surgir de onde você menos espera.

É clichê, mas, seja otimista

Uma das mais poderosas influências sobre sua atitude e personalidade é o que você diz para si mesmo. Não é o que acontece com você, e sim como você responde internamente para o que acontece com você. Ao controlar seu diálogo interno, você pode controlar cada parte de sua vida. Sabe aquele desafio de ficar 1 mês sem reclamar que rola nos blogs por aí? Experimente.

Seja saudável

O que é bom para o corpo também é bom para o cérebro. Todos estão cansados de saber que ter uma alimentação saudável e praticar exercícios são sinônimos de qualidade de vida. Mas não basta só isso. Durma o suficiente. Nossa sociedade é cronicamente privada de sono, o que afeta negativamente nossos processos de pensamento. Então, juntamente com o “sono de beleza”, busque o “sono inteligente”.

Mantenha uma atitude positiva

Manter uma atitude positiva é diferente de ser otimista. Não há nada mais poderoso para a automotivação do que a atitude certa. Não bateu a meta do mês? Descubra onde você errou e tente melhorar no mês seguinte. Você não pode controlar o mundo a sua volta, mas pode escolher sua atitude em relação ao que acontece nele.

Faça uma pausa. Sério

Se você não seguiu o conselho de dormir o suficiente, possivelmente está cansado. E nessas horas, amigo, não há automotivação que dê jeito. Se você não tem a opção de tirar um cochilo, dê uma volta, tome um café, converse com um amigo, assista um pouco de TV. Enfim, distraia-se.  Você não tem uma fonte infinita de energia. Nem os iPhones tem. De vez em quando você precisa tomar algum tempo para recarregar suas baterias emocionais e espirituais.

Compartilhe

Uma vez que você está motivado, motive os outros. Sempre que puder, apoie e incentive os demais. Infelizmente é mais comum criticarmos algo ou alguém do que fazermos o contrário. Que tal você elogiar mais os seus colegas? Faz bem para você e para o ego do seu amigo. Compartilhe sua motivação! E, se você sentiu-se motivado ao ler este texto, que tal iniciar este exercício compartilhando-o em suas redes sociais? 😀

Faça parte do meu grupo fechado de dicas por e-mail. É grátis!

 

28 anos, catarinense, escritor, empreendedor e freelancer em marketing digital. Eleito pelo LinkedIn como o terceiro brasileiro mais influente da rede em 2016. Escreve também no HuffPost e no Transformação Digital.